quinta-feira, 10 de março de 2016

*Fazes parte de mim...No jorrar d’uma Cascata... quando alinho o meu Amor e quando adio o Tempo*



Fazes parte de mim...
Assim como um rosto no espelho... refletido...
Talvez como um sentir que corre pelas minhas veias,
Porque sei que és alma pura....
Sei que és sonho...és cascata de silêncios... que jorram em efeito mágico,
Sem que eu possa explicar, pois me faltam os sentidos que ecoam quando penso em Ti....

Chego a sentir, desde sempre, 
Esse tempo invertido....esse espaço que floresce como raiz profunda,
Ligando as promessas, adiando os impedimentos,
Garantindo que as tempestades não nos atrasarão,
Não nos farão cair em vícios e em despedidas que nunca chegarão ao final....

Belo e Doloroso!
Santo e Cruel!
Leve e Aquebrantado!

Sei como é a liberdade de querer transpor a alma,
De transformar em doçura todas as palavras,
Que não cabem no peito....
E de construir essa respiração que não encontramos, seja lá onde quer que ela esteja...

Tenho a esperança como norte... como sendo o confidente das lágrimas que brotam,
A cada passagem dos olhos, a cada horizonte que desenha a minha saudade....
Sorrateira... 
Testemunha fatal e itinerante...


Me expresso em voz baixa....



Na respiração que o meu sentimento busca,
Na miragem dos dias que sorriem,
Na doação que encontro quando tua voz ressoa...
No céu distante que abriga a minha ilusão....

Talvez a certeza da minha inspiração possa ser como a oração...
Sagrada....Beatificante...
Que da boca é exaltada e pronunciada no altar dos teus olhos....

Fazes parte de mim...
Habitas em meu ventre e acobertas a minh’alma...
Consegues brotar nesse meu lugar mais secreto e escondido....
Onde alguém jamais poderá me encontrar....

Aqui...
Dentro da tua Felicidade....








Nenhum comentário:

Postar um comentário